segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Trabalhando com cédulas no 1° ano-oficina.

                 
                                     Vamos às compras!!
Propor uma atividade na sala de aula para que os alunos atuem como compradores e vendedores é uma prática adotada por muitos professores do Ensino Fundamental a fim de trabalhar conteúdos como soma e subtração Os alunos organizam , se divertem, compram vários objetos, calculam o troco e o total das compras de diversas maneiras... Mas cabe ao professor observar como eles atuam, quais as dificuldades que surgem, como e se elas são solucionadas para, com base nisso, propor discussões posteriores que levem a garotada a avançar na aprendizagem. “O objetivo desse tipo de atividade é a discussão das estratégias utilizadas para calcular”. Em nossa escola, as professoras Terezinha Moraes e Júlia de Cácia, trabalharam intensamente este objetivo com as turminhas de 1° ano.













quarta-feira, 20 de novembro de 2013

20 DE NOVEMBRO,DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA

                           
                                   PROJETO MINHA RAÇA MINHA COR

                     O projeto “MINHA RAÇA. MINHA COR” foi criado diante da necessidade de se ilustrar o “Dia da consciência negra” que é comemorado no dia 20 de novembro; e este tem  o intuito de demonstrar a influencia africana na cultura brasileira, ressaltando como seria impossível falar de cultura brasileira sem mencionar as matrizes africanas que a compõem.Sabemos que alusões giram, tipicamente, em torno da contribuição de cultura africana na música, na língua falada e escrita, na culinária, nas festas populares celebradas desde os tempos coloniais, linguagem corporal e, especialmente, a existência das religiões.
                 Sem dúvida, essas contribuições constituem uma sólida verdade, sendo não só citada como detalhadamente estudada há várias gerações.  Esse projeto pedagógico surge para tentar tirar do anonimato a verdadeira história da África e de seu povo, bem como abrir um leque de discussões em torno da diversidade cultural existente em nosso país, a fim de que essa diversidade seja respeitada e valorizada.
    

















             

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

SAEB 2013


               Estará acontecendo nos dias 11 e 12 de novembro de 2013 a Avaliação Nacional da Alfabetização - ANA. “Essa avaliação se insere no âmbito do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa - PNAIC.” participarão da Avaliação Os alunos do 3º ano do ensino fundamental. Estará sendo realizado também, A Prova Brasil e o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb) são avaliações para diagnóstico, em larga escala, desenvolvidas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep/MEC). Têm o objetivo de avaliar a qualidade do ensino oferecido pelo sistema educacional brasileiro a partir de testes padronizados e questionários socioeconômicos.

                    Planilha de distribuição das turmas por escola-aplicação-SAEB 2013

             
Escola

Data
Turma
Turno
Tipo de Prova
Observação
ESCOLA TUPANIR GAUDENCIO
12 APLICAÇÕES
11/11
3° A
TARDE
ANA

11/11
3° A
TARDE
ANA
S.ESPECIAL
12/11
3° B
TARDE
ANA

12/11
3° B
TARDE
ANA
S.ESPECIAL
13/11
9° U
MANHÃ
PROVA BRASIL

13/11
9° U
MANHÃ
PROVA BRASIL
S.ESPECIAL
13/11
5°A
TARDE
PROVA BRASIL

13/11
5°A
TARDE
PROVA BRASIL
S.ESPECIAL
14/11
5°B
TARDE
PROVA BRASIL
S.ESPECIAL
14/11
5°B
TARDE
PROVA BRASIL

14/11
9ºU
MANHÃ
PROVA BRASIL
(CIÊNCIAS)

14/11
9ºU
MANHÃ
PROVA BRASIL
(CIENCIAS) S.ESP.

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

TRABALHANDO COM RÓTULOS NAS SÉRIES INICIAIS

           
           As etiquetas e embalagens são portadores de textos que cumprem a função de informar. Dizem a composição do produto, que cuidados são exigidos para seu funcionamento e manutenção, data de validade, modo de usar e de armazenar o produto... Veiculam textos escritos curtos e utilizam imagens. Ser capaz de compreender esses textos é fundamental para o exercício da cidadania e, se bem utilizados na alfabetização, podem trazer contribuições importantes também para os avanços dos alunos no processo de aquisição de procedimentos de leitor da escrita verbal e não verbal.











MATERIAL CONCRETO: UMA ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA PARA TRABALHAR CONCEITOS E AUMENTAR A APRENDIZAGEM


                 Estudos mostram que o material concreto tem possibilitado que os estudantes estabeleçam relações entre as situações experimentadas na manipulação de tais materiais e a abstração dos conceitos estudados. O uso de material concreto propicia aulas mais dinâmicas e amplia o pensamento abstrato por um processo de retificações sucessivas que possibilita a construção de diferentes níveis de elaboração do conceito.Baseado neste contexto a Escola Tupanir tem procurado dar o melhor de si para melhorar a sua prática em sala de aula.